Brasão

> Ações Comunitárias e Culturais > Solar Grandjean de Montigny > Exposições 2017

Exposição

Hundertwasser "Em torno das cinco peles"

Obras de  Angela Rolim, Célia Cotrim, Claudia Tebyriçá, Claudio Roberto Castilho, Cynthia Dreyer, Eliane Avellar, Grasi Fernasky, José Luderitz, Márcia Clayton, Marciah Rommes, Silvana Soriano, Sonia Távora, Teresa Stengel e Zula

Convite da exposição "Hundertwasser "Em torno das cinco peles""

Abertura:
18 de março de 2017, sábado
das 16h às 20h

Visitação:
20 de março a 02 de junho de 2017
de segunda a sexta das 10h às 17h

Solar Grandjean de Montigny
Museu Universitário
Rua Marquês de São Vicente, 225 - Gávea | RJ
Telefone: 21 3527-1435
Tel/fax: 21 3527-1434
e-mail: solargm@puc-rio.br
www.puc-rio.br/sobrepuc/depto/solar

Entrada Franca

Voltar

Devido ao sucesso de visitação a exposição ficará até o dia 02 de junho de 2017.
Gratos pela visitação e divulgação.


O Projeto Impresso é um ateliê de gravura onde, artistas em suas reflexões e experimentações reúnem técnicas em impressões gráficas. Ao longo de 14 anos de atividades elegeram referencias de escritores como Machado de Assis, Italo Calvino, Gaston Bachelar, Jorge Luiz Borges, Fernando Pessoa, músicos como Villa-Lobos e Noel Rosa entre muitos outros, quando estabeleceram diálogos entre essas obras e os trabalhos desse grupo de artistas, com o objetivo de atender os mitos de cada artista, através das inúmeras narrativas ficcionais e simbólicas, parábolas, fantasias e fábulas.

O Projeto Impresso apresenta nesta exposição no Solar Grandjean de Montigny um diálogo de caráter simbólico-imagético através da reflexão da teoria das cinco camadas de Hundertwasser. Uma ocupação de forma espiral, tendo o Solar e sua relação com o entorno, como centro, ponto de partida.

O austríaco Friedrich Hundertwasser (1928-2000) pintor, gravador, ecologista com ensaios e manifestos político-filosoficos, criou uma arquitetura dinâmica, inovadora e orgânica. A teoria das cinco camadas – por ele determinada como cinco peles – a epiderme = essência; vestuário = distinção e avaliação: casa = dimensão física e poética do entorno; a identidade social, coletiva e global. A Natureza e a Terra. 

As leituras, releituras, análises, questões ambientais e pesquisas que esses artistas nos apresentam a partir das teorias de Hundertwasser indicam  a construção de narrativas como o  desdobramento das camadas como parte da inter-relação homem/ambiente, partindo do uno para o todo utópico de equilíbrio e sustentabilidade.


Angela Rolim,
Célia Cotrim,
Claudia Tebyriçá,
Claudio Roberto Castilho,
Cynthia Dreyer,
Eliane Avellar,
Grasi Fernasky,
José Luderitz,
Márcia Clayton,
Marciah Rommes,
Silvana Soriano,
Sonia Távora,
Teresa Stengel,
Zula.


Voltar