PUC-Rio - Página inicial
> Reitoria, Vice-reitorias e Centros > Vice-Reitoria Comunitária
Foto ilustrativa Bolsas e Financiamentos da VRC
Foto ilustrativa
   Coordenação Geral de Bolsas e Auxílios - CBA
Foto ilustrativa

Bolsas e Auxílios Concedidos Segundo Critérios Socioeconômicos

O Programa de Bolsas e Auxílios da Vice-reitoria Comunitária é destinado aos alunos que comprovem a necessidade destes benefícios, considerando a situação socioeconômica de seu grupo familiar.
Este programa é composto por:

  • Bolsas Filantrópicas*: integrais (100%) ou parciais (50%),destinadas aos alunos, de primeira graduação, cuja renda familiar mensal per capita não exceda o valor de um salário mínimo e meio (para bolsas de 100%) ou o valor de três salários mínimos (para bolsas de 50%);

  • Bolsas ProUni: A PUC-Rio adere ao programa do MEC apenas para bolsas integrais, destinadas a alunos de primeira graduação, cuja renda familiar por pessoa não ultrapasse o valor de uma salário mínimo e meio, que tenham cursado o ensino médio completo na rede pública ou na rede privada como bolsista integral, ou ser pessoa com deficiência, ou ainda ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública;

  • Auxílios FESP*: Programa de Permanência Estudantil da PUC-Rio contempla os alunos com bolsas integrais tipos filantrópicas ou ProUni, desde que a renda liquida por pessoa não ultrapasse o valor de um salário mínimo;

  • Bolsas PUC*: parciais de 20% a 80%, exceto exceções, destinadas a atender aos alunos, de primeira graduação, de classe média que apresentem vulnerabilidade socioeconômica, comprovando a necessidade desse auxílio através da análise de renda e patrimônio do grupo familiar;

*Estas concessões estão condicionadas à disponibilidade da Universidade na ocasião do processo seletivo 

 

Processo Seletivo

O processo seletivo é composto por avaliação socioeconômica do grupo familiar do aluno, realizada por equipe técnica de serviço social que, após análise documental, emite um parecer social de acordo com os critérios estipulados pela PUC-Rio e as legislações vigentes.
De acordo com critérios de elegibilidade os alunos habilitados aos processos seletivos preenchem um formulário eletrônico e apresentam cópias dos documentos de renda, patrimônio e despesas de seu grupo familiar.

 

Normas e procedimentos para manutenção das Bolsas PUC e Filantrópica

Uma vez concedidas, a renovação das bolsas está condicionada ao cumprimento dos requisitos que se seguem:

 

Normas e procedimentos para manutenção das Bolsas ProUni

 

Serviços oferecidos pela CBA

Além de desenvolver o programa de bolsas e auxílios, a CBA disponibiliza os serviços a seguir para todos os alunos de graduação da PUC-Rio

Fale Conosco através do Protocolo Eletrônico: Alunos / Funcionários / Outros

Voltar



Aproveitamento Acadêmico


O aluno deve apresentar aproveitamento acadêmico em, no mínimo, 75% das disciplinas cursadas durante o período letivo, sendo que cancelamento de disciplina, sem alteração de carnê, conta como não aproveitamento.
Quando o bolsista não atingir o aproveitamento acadêmico exigido, a Coordenação de Bolsas poderá analisar as justificativas apresentadas, ao longo do semestre, pelo estudante para o rendimento acadêmico insuficiente e autorizarpor até duas vezes, a continuidade da bolsa, mediante assinatura de termo de compromisso, com ou sem ônus no pagamento integral de pelo menos uma mensalidade.
O quadro a seguir exemplifica o quantitativo de disciplinas em que deve haver a aprovação do estudante em relação ao quantitativo de disciplinas em que o aluno estiver matriculado a cada período letivo:

Nº de disciplinas matriculadas no período letivo

Nº de disciplinas em que deve haver aprovação

1

1

2

2

3

3

4

3

5

4

6

5

7

6

8

6

9

7

10

8

Voltar



Reavaliação socioeconômica das bolsas de estudo comunitárias

A Reavaliação Socioeconômica das Bolsas de Estudo tipo PUC e/ou Filantrópica está prevista no Termo de Concessão de Bolsas e divulgada neste site nas Normas e Procedimentos para manutenção da bolsa.

Este processo tem por objetivo atualizar a realidade social e econômica dos alunos bolsistas, permitindo garantir a conformidade das concessões de bolsas de estudo e de seus percentuais à situação socioeconômica das famílias. Ressaltamos que o programa de bolsas é uma concessão da Universidade, a qual se reserva o direito de ajustar os critérios à disponibilidade orçamentária da Instituição.

A reavaliação consiste, inicialmente, em análise documental e, a critério da Instituição, pode ser seguida de entrevistas e/ou visitas domiciliares. A convocação será realizada através do Site da Universidade e do PUC Urgente, cabendo ao aluno manter-se informado acerca dos prazos e procedimentos para o cumprimento desta exigência. O aluno que não atender a esta norma terá a bolsa cancelada.

No quadro abaixo o aluno pode observar a previsão de quando será convocado ao processo de reavaliação periódica, formulado a partir do ano de seu ingresso na universidade:


DATA DA REAVALIAÇÃO INGRESSANTES EM:
2º Semestre de 2017 2009, 2011 e 2015
1º Semestre de 2018 2014
2º Semestre de 2018 2010, 2012 e 2016
1º Semestre de 2019 2015
2º Semestre de 2019 2011, 2013 e 2017
1º Semestre de 2020 2016



CONVOCAÇÃO 2017.2 – Alunos ingressantes em 2015, 2011 e 2009

A Coordenação de Bolsas e Auxílios – CBA convoca todos os alunos, com bolsas Comunitárias tipo PUC e FILANTRÓPICA, que entraram na Universidade no ano letivo de 2015, 2011 e 2009 para Reavaliação Socioeconômica. Estes alunos deverão atender a convocação seguindo as disposições de prazos e procedimentos divulgados de acordo com o seu tipo e percentual de bolsa. Alunos formandos 2017.2; àqueles cujo processo seletivo de bolsas foi realizado em 2017.1; e matriculados em convênio em 2017.1 devem seguir as instruções específicas.

Em caso de dúvidas, consulte seu tipo de bolsa através do PUC on-line / SGU e aproveite para atualizar seu e-mail e telefone, pois estes dados são fundamentais para seu contato com a VRC.

A divulgação dos resultados será realizada através do e-mail cadastrado pelo aluno no SAU, no mês de Dezembro. Os percentuais de bolsa concedidos serão, a princíp

io, aplicados nas concessões a partir do mês de Janeiro de 2018.

INSTRUÇÕES GERAIS

BOLSA FILANTRÓPICA 50% E BOLSA PUC

Bolsistas parciais da filantropia e bolsistas tipo PUC em qualquer percentual devem cumprir os seguintes passos, de acordo com as datas divulgadas no item 3:

1) Preenchimento do Formulário Eletrônico a partir do dia 04 a 12/09/2017:

  • Entrar como primeiro acesso para adquirir nova senha;
  • Preencher todos os campos do formulário;
  • Protocolar e imprimir; e
  • Assinar a “Declaração de Responsabilidade das Informações”.

2) Organização da Documentação:

  • Seguir a Lista de Documentos a serem apresentados para Reavaliação Socioeconômica de Bolsa de Estudos, disponível na (s) última (s) folha (s) do Formulário Eletrônico;
    • Para os membros do grupo familiar menores de 24 anos cujos pais são separados deve-se cumprir o estabelecido no item 5.8 da Relação de Documentos citada abaixo ainda que não mencionado na listagem fornecida pelo Formulário Eletrônico.
  • Consultar a Relação de Documentos para cada item listado no Formulário Eletrônico;
  • Providenciar cópia simples de toda a documentação solicitada;
  • Organizar os documentos na ordem da Lista de Documentos a serem apresentados para Reavaliação Socioeconômica de Bolsa de Estudos, disponível na (s) última (s) folha (s) do Formulário Eletrônico, em envelope com nome do candidato, matrícula e curso. Apenas serão recebidos envelopes com a documentação completa.

3) Atendimento na secretaria do FESP: (térreo do ed. Cardeal Leme)

  • Entre os dias 04 e 12/09, agendar atendimento utilizando o Link – Agendamento – CBA para horários disponíveis do dia 18 ao dia 22 de setembro . Na data agendada o aluno deverá apresentar o Formulário eletrônico impresso e assinado acrescido da documentação exigida no item 2.  Comparecer com 10 minutos de antecedência evitando gerar atrasos na agenda.

 

BOLSA FILANTRÓPICA 100%

Bolsistas integrais da filantropia devem cumprir os seguintes passos, de acordo com as datas divulgadas no item 3:

1) Preenchimento do Formulário Eletrônico a partir do dia 04 a 12/09/2017:

  • Entrar como primeiro acesso para adquirir senha;
  • Preencher todos os campos do formulário;
  • Protocolar e imprimir; e
  • Assinar a “Declaração de Responsabilidade das Informações”.

2) Organização da Documentação:

2.1 - Alunos com bolsa 100% tipo FILANTRÓPICA que, após o preenchimento do Formulário Eletrônico, permanecerem no perfil da filantropia integral (até um salário mínimo e meio per capita) podem preencher a Declaração de Perfil Filantrópico e estão dispensados da apresentação de documentação comprobatória. Alertamos que esta documentação poderá ser exigida, a qualquer momento, se a Coordenação de Bolsas assim julgar necessário ou por solicitação de auditoria do Ministério da Educação (MEC).

2.2 - Alunos com bolsa 100% tipo FILANTRÓPICA que, após o preenchimento do Formulário Eletrônico, NÃO estiverem no perfil da filantropia integral precisam:

  • Providenciar a documentação descrita na Lista de Documentos a serem apresentados para Reavaliação Socioeconômica de Bolsa de Estudos, disponível na (s) última (s) folha (s) do Formulário Eletrônico.
    • Para os membros do grupo familiar menores de 24 anos cujos pais são separados deve-se cumprir o estabelecido no item 5.8 da Relação de Documentos citada abaixo ainda que não mencionado na listagem fornecida pelo Formulário Eletrônico.
  • Consultar a Relação de Documentos para cada item listado no Formulário Eletrônico;
  • Providenciar cópia simples de toda a documentação solicitada;
  • Organizar os documentos na ordem da Lista de Documentos a serem apresentados para Reavaliação Socioeconômica de Bolsa de Estudos, disponível na (s) última (s) folha (s) do Formulário Eletrônico, em envelope com nome do candidato, matrícula e curso. Apenas serão recebidos envelopes com a documentação completa.

3) Atendimento na secretaria de bolsas e auxílios: (sobreloja do ed. Cardeal Leme)

  • Alunos com Bolsa única: tipo FILANTRÓPICA 100% devem comparecer do dia 25 ao dia 29 de setembro, das 08:30h às 11:30h e das 13:30h às 17h, portando Formulário eletrônico e Declaração de Perfil Filantrópico Integral impressos e assinados ou Formulário eletrônico e Documentação Completa, de acordo com a renda per capita apresentada.

 

INSTRUÇÕES ESPECÍFICAS

- ALUNOS FORMANDOS 2017.2

Alunos que estejam concluindo a graduação em 2017.2, independente do tipo e percentual de bolsa poderão optar por não entregar a documentação atualizada. Contudo será necessário preencher o Formulário de Conclusão de Curso até o dia 12/09.

  • Os alunos formandos que não responderem o Formulário de Conclusão de Curso poderão ter a bolsa cancelada a partir de novembro de 2017.

 

- ALUNOS COM BOLSAS CONCEDIDAS EM 2017.1

Alunos que realizaram processo seletivo de bolsas e tiveram as bolsas cadastradas em 2017.1, ainda que sejam ingressantes na universidade nos anos de 2015, 2011 e 2009, devem notificar a CBA utilizando o “Fale Conosco através de Protocolo Eletrônico” disponível no site em (http://www.puc-rio.br/sobrepuc/admin/vrc/bolsas.html) escolhendo o assunto Reavaliação Socioeconômica de Bolsas de Estudo Comunitárias, e informando a realização de análise socioeconômica em 2017.1. Estes alunos serão dispensados deste processo e devem atender a futuras convocações, de acordo com o calendário periódico de Reavaliação.

 

- ALUNOS MATRICULADOS EM CONVÊNIO 2017.2

Alunos ingressantes na universidade nos anos de 2015, 2011 ou 2009, matriculados em convênio em 2017.2, devem notificar a CBA utilizando o “Fale Conosco através de Protocolo Eletrônico” disponível no site em (http://www.puc-rio.br/sobrepuc/admin/vrc/bolsas.html) escolhendo o assunto Reavaliação Socioeconômica de Bolsas de Estudo Comunitárias, e informando a previsão de retorno à PUC-Rio. Estes alunos serão convocados pela CBA para Reavaliação Socioeconômica no semestre em que reingressarem na universidade.

Voltar



Trancamento/Reabertura de Matrícula

O trancamento de matrícula implica no cancelamento imediato da bolsa. Assim, o bolsista que realizar o trancamento de matrícula não terá garantia do retorno da bolsa em caso de reabertura, contudo, é indicado que o aluno encaminhe e-mail pelo link (http://sgu.rdc.puc-rio.br/SGUWeb/protocolo/WLoginProtocoloAluno.aspx?p=&idCC=17&idTipoEvento=502) utilizando a senha do SAU que pode ser cadastrada no PUC online para alunos em (http://www.puc-rio.br/ensinopesq/academicas/#), relatando os motivos que o levaram ao trancamento e solicitando a possibilidade de concessão de prazo para reabertura de matrícula, mantendo o cadastro da bolsa.

Os alunos que tiverem este pedido deferido devem estar cientes que no ato da reabertura podem ser convocados para processo de Reavaliação Socioeconômica, o que poderá alterar o percentual de bolsa a ser cadastrado.

Voltar


Transferência Interna

A troca de curso implica no cancelamento imediato da bolsa. Assim, o bolsista que realizar a transferência interna não terá garantia da manutenção da bolsa no curso de destino, contudo, é indicado que o aluno encaminhe e-mail pelo link (http://sgu.rdc.puc-rio.br/SGUWeb/protocolo/WLoginProtocoloAluno.aspx?p=&idCC=17&idTipoEvento=502) utilizando a senha do SAU que pode ser cadastrada no PUC online para alunos em (http://www.puc-rio.br/ensinopesq/academicas/#), antes de realizar os procedimentos de transferência, relatando os motivos desta decisão, informando curso pretendido e solicitando a possibilidade de manutenção da bolsa caso seja aprovado na seleção para transferência.

A coordenação irá avaliar as solicitações considerando o quantitativo de semestres cursados, demanda atual de solicitações de bolsa e critérios de concessão de bolsa a época do processo seletivo de cada aluno.

Voltar



Questões Disciplinares

O bolsista que se envolver em questões disciplinares poderá ter a bolsa cancelada definitivamente.

Voltar


Imagem ilustrativa de rodapé